21 de novembro de 2011

7ª Arte

Twilight: Breaking Dawn - Part 1


Para histerismo de muitas fãs, o trio maravilha de Holywood preparou mais uma das suas e apresentou-nos o fresquinho Twilight: Breaking Dawn – Part 1. Passados uns 50 anos de dizer o nome mais umas duas horas de visionamento ficamos com a sensação de mais do mesmo e com um sabor amargo de dinheiro mal gasto.
A saga dos vampiros continua a não encantar e desde o seu primeiro capítulo que não nos presenteia com algo de realmente bom. Ora vejamos, este filme é um susto para qualquer rapaz: casamento, lua-de-mel, perda do período, gravidez e muita, muita lamechice pelo meio. A acção é quase nula e o filme arrasta-se tão devagar que o ecrã quase parece estático na primeira hora e meia de filme. A Bella de Kristen Stewart está má, pior que nos anteriores na minha opinião, Stewart conseguiu o inimaginável: ter a mesma expressão facial durante toda a duração da longa-metragem. Robert Pattison mostrou um pouco de desgaste neste Edward um pouco já irritante. Não nos apresentou nada de novo, pelo contrário, teve uma interpretação bastante banal. O famoso Jacob brilhou pouco, muito pouco. Mesmo continuando a apresentar os seus abdominais invejáveis (levei com eles logo nos primeiros segundos do filme) o actor não sai da cepa torta e traz com ele uma interpretação abaixo do razoável.
O filme peca muito pela inactividade e denota-se que foi um erro grave terem dividido a sequela em duas partes, pois para esta primeira parte ficou reservado tanta acção como a de ir buscar o pão de manhã ao café da esquina… Apenas no final somos como que borrifados por certas brisas de acção que ainda nos acabam por acordar do tédio vivido. O trabalho da realização não foi brilhante, parecendo que tudo funcionou a meio gás. O filme acaba também por apresentar a cena mais ridícula de toda a saga: O diálogo entre a alcateia de lobos que está definitivamente mal feita e infantil!
Os minutos finais acabam por salvar um pouco o fiasco de todo o filme, o flashback de Bella foi um dos pontos fortes, uma compilação bastante bem conseguida. Também bem conseguido foi a caracterização de Bella nos últimos minutos deste Amanhecer, que conseguiu fazer de Swan um autêntico saco de ossos bem frágil e incapacitado.  O último plano do filme está algo de genial! Que nos deixa uma réstia, tanto de curiosidade como de esperança para o próximo número desta saga!

Avaliação: 7/20

30 comentários:

  1. Olha, isso eu concordo.
    Pareces ser o tipo de pessoa que não tem receio nenhum de dizer o que pensa, de dizer o que sente.

    ResponderEliminar
  2. humm... obrigaaaaada ;)
    mesmo que não quisesses, se continuasses a seguir ias levar com eles, eheheh :')
    se te disser que nunca vi um filme da saga, acreditas? primeiro, não gosto muito de sagas, depois, nunca foi filme que me puxasse, mas se tivesse amigos que quisessem ir ver, se calhar via este, para matar um bocadinho a curiosidade :P

    ResponderEliminar
  3. E é assim que tens que ser sempre, ai, adoro este teu canto.

    ResponderEliminar
  4. Obrigada :)
    Ahahah, vou tomar isso como um elogio, então ;)
    Se calhar, vou ver se alguém quer ir, caso contrário também não me chateio muito...

    ResponderEliminar
  5. muito sinceramente, vi o primeiro da saga... e chegou.

    ResponderEliminar
  6. Mas acredita, eu achei o Kings Speech bem banal. Já vi filmes com a mesma temática que até me causam um arrepio de ver, por ser algo tão marcante, mas o Kings Speech apenas me enfadou, nada mais, tanto que ao início eu já sabia no que me metia, nem o fui ver ao cinema, aluguei-o na televisão... Pronto, mas para ser sincero, acho que o Black Swan não tem assim tantos traços de filme independente. A sua qualidade altíssima só de si já é difícil de encontrar num filme comercial, portanto até se justifica a proximidade, no entanto acredito que partilha mais traços com filmes comerciais... A OST do Social Network nem me causou tanto desconforto, o que me deixou assim pior foi o facto de ter ganho o óscar só por ser uma OST "invulgar", credo... A academia só vê bem quem lhe convém... É assim, eu não ponho o talento do DiCaprio em causa, aliás, até gosto muito de muitas das prestações dele, mas ele sofre do problema que, apesar de ele saber transmitir muito bem emoções, quando chega à altura de se expressar facialmente ele "apenas" usa as sobrancelhas, se ele se esforçar mais, acredito que um dia será reconhecido, até lá que tente movimentar mais o resto da cara... O Source Code recordo-me que o dia em que o vi estava meio sonolento, não percebi nada, já nem me lembro de metade do filme, tenho de o rever... Mas a questão não é a da explicação no filme em si, é a questão da forma como desenrolam o diálogo, seja ele qual for durante o filme, quase parecem crianças falando, isso é que o deixou mal... Porque o filme todo ele é excelente, simplesmente apesar de ter uma boa ideia tem diálogos, diga-se, meio simples, básicos...

    PS: gostei da review.

    ResponderEliminar
  7. O livro é sem dúvida 1000 vezes melhor!

    ResponderEliminar
  8. Obrigada :)
    Vamos ver, mas gosto de dizer que ainda não vi nenhum, metade das fãs só gostam da saga pelo Robert/Taylor :)

    ResponderEliminar
  9. A sério? então, esse facto passou-me completamente ao lado... xD

    ResponderEliminar
  10. Pois, provavelmente é isso! Eu estava a referir-me mais às raparigas... É verdade que os actores são grande parte de um filme, mas eu já ouvi falar mais da vida pessoal deles do que do filme em si ;)

    ResponderEliminar
  11. ahahah mal comecei a ler o comentário começei-me logo a rir e ainda me estou a rir xD Amei mesmo (:
    "Stewart conseguiu o inimaginável: ter a mesma expressão facial durante toda a duração da longa-metragem." Fez-me lembrar aquele video de um brasileiro a gozar com a saga ahah
    Mas esta foi mesmo a melhor :"para esta primeira parte ficou reservado tanta acção como a de ir buscar o pão de manhã ao café da esquina… " ahahah

    ResponderEliminar
  12. Não, não vamos, LOL O Black Swan é muito creativo, mas não teve liberdade criativa, teve um realizador que gosta de arriscar, essa é que foi essa. O Black Swan, mesmo sem prémios tinha sido um sucesso comercial, o Aronofsky já é bem conhecido desde o Requiem for a Dream. O DiCaprio não pode querer mais reconhecimento que o que tem, qualquer pessoa o conhece LOL Eu já nem sei, nem me lembro de metade, do Source Code lembro-me mais ou menos das primeiras tentativas de 8mins e depois lembro-me só de o ver deitado, tipo, morto e dizer que se sentia bem, ou para sentir bem, ou lá o que era LOL... Concordo com o que dizes em relação ao Inception, aliás, gostei tanto que comprei o filme. Gosto das OSTs do Zimmer...

    ResponderEliminar
  13. Agora deixaste-me curiosa. Eu já sabia que ia ser mau, mas assim tão mau? Parece-me que já nem se dão ao trabalho de parecer que pensaram muito no filme, é só pôr aqueles dois gajos que já se ganha um montão de dinheiro, enfim... Já te tínhamos discutido este assunto ;)
    Grande crítica!

    ResponderEliminar
  14. Pois, realmente :)
    Infelizmente, e agora nas revistas alguma coisa sobre isso não é Edward e Bella, mas sim Robert e Kristen, eles é que estão bem, sorte a deles :')

    ResponderEliminar
  15. Ora lá está :)
    Mas não, é 'uns com tanto e outros com tão pouco'... aiii, enfim ;)

    ResponderEliminar
  16. Foi isso, não lhe fizeram pressão nenhuma... Ele já era mediático, não sei se alguma vez viste o Requiem for a Dream, o Pi ou o The Fountain, mas essas obras dele já tinham gerado muita polémica e consenso crítico, que se estava perante um grande realizador. O Black Swan não veio consolidar isso, já estava bem consolidado... Nunca mo apresentaram como filme da Portman, à minha volta o filme era conhecido mas é porque foi bem promovido... Sim, mas não estava extraordinário... Sim, ele é muito popular, mas não sei se vês sites de gossip mas há gente mais comentada que ele... Eu só o vi uma vez, não sou muito de rever filmes, aborrece-me xD No entanto compro vários, há pouco tempo comprei o Thor e o Bridesmaids (este último "lá fora"). Eu gosto das OSTs do Zimmer, principalmente da do Inception...

    ResponderEliminar
  17. Ele já era conhecido nas massas, não te esqueças que ele "renasceu" o Mickey Rourke no The Wrestler... Eu frequento muitos sites de gossip, tipo, JustJared, PerezHilton, ler esses sites faz-me feliz xD O Scream 4 é um filme que eu não comprava nem que me obrigassem, vê-se bem, mas não o acho extraordinário, é um filme banal na minha opinião. O Bridesmaids eu não consigo descrever, aquilo tem cenas que eu quase que caía da cadeira no cinema rindo, há muita gente que o acha assim um pouco "vulgar", meio "porco", mas eu acho super... O Horrible Bosses, mais dia menos dia tenho de o comprar também, assim como o Super 8... O Thor nem descrevo, a nível nenhum, não tenho vergonha de dizer que é o melhor filme de super-heróis que já vi, melhor ainda que o Dark Knight (que também tenho xD), adorei mesmo, a todos os níveis...

    ResponderEliminar
  18. Ricardo, a maioria das pessoas que estão na rua vêm os filmes que dão ao sábado na SIC e volta e meia vão ver algum Transformers ou Twilight ao cinema, nem querem saber muito dessas coisas LOL experimenta, nunca mais largas xD Eu acho o Scream um filme banal, anyway... O Bridesmaids amei, já deu para ver... O Thor só o vi uma vez no cinema, eu tenho mais coisas para ir ver do que ir ver duas vezes a mesma xD

    ResponderEliminar
  19. A sério? Eu escrevi meio sem convicção porque detesto deixar dias sem texto e não estava com grande inspiração, não estava à espera que fossem gostar :)
    Muito obrigada mesmo :')

    ResponderEliminar
  20. São massas, mas as massas não "percebem" de cinema xD Qual armadilha xD? Eu este ano os únicos filmes que fui ver 2x foi a Ressaca 2 e os Piratas, e de ambas as vezes foi porque, diga-se, tinha companheiras que queriam ver, e eu apesar de já ter visto não lhes pude negar xD

    ResponderEliminar
  21. obrigado :) (tá tipo gigante :o lool)
    és imensamente mau para esta saga pah ^^

    ResponderEliminar
  22. A saga é uma m* -.-
    Ainda bem que gostaste, ricardo :))

    ResponderEliminar
  23. Ricardo, quando eu digo que ele já é reconhecido mas massas refiro-me ao facto de a comunidade cinéfila já saber muito bem quem ele é! Aí na rua, saberem quem é o Spielberg, o Coppola, o Scorsese e o Burton já é uma grande sorte, eu não me refiro ao mundo inteiro quando digo massas, refiro-me à comunidade cinéfila! (toma-te xP) Pois, mas nesses dois fui literalmente arrastado, mas concordo que não mereciam 2º visionamento, mas teve de ser. Ricardo, quando digo que posso ver apenas uma vez pois tenho mais para ver não o digo de forma a denegrir o filme. Óbvio, ele merece um 2º ou quem sabe 3º visionamento, mas se existem outras coisas em cartaz que eu queira ver, e até porque o dinheiro não cai das árvores, acho que é mais sensato ir ver outro filme que rever no cinema, independentemente da qualidade do mesmo :-)

    ResponderEliminar
  24. Ahah, tenho de ir lá então xD
    Eu ainda não vi o filme, portanto opino depois xD

    ResponderEliminar